Paralelismo

Nunca houve momento tão inspirador quanto esse. Minhas lembanças nunca me pareceram tão reais – até melhores do que a realidade -, porque eu jamais tive momento tão especial quanto esse. Eu poderia me afogar nos meus devaneios a ponto de desprezar completamente a vida que me sustenta; eu estaria, de qualquer forma, feliz.
Mais feliz em lembrar do que em viver.
Talvez as coisas fluam desse jeito porque a lembrança oferece à minha mente a possibilidade de recriar e melhorar os fatos, vantagem tentadora que é negada pela realidade. Prefiro me prender às coisas que já aconteceram para tentar consertá-las, porque confesso que nada me vem à cabeça quando estou vivendo a situação que esperei. Me faltam palavras, me faltam ações, me faltam gestos, me falta ar. Ajo por instinto. Acabo fazendo a coisa errada e me decepcionando comigo mesma, além de prejudicar os outros a meu redor.
Graças aos meus sonhos, não só posso consertar o que houve de errado como também relembrar inúmeras vezes o que me aconteceu de bom: por mais que sejam tolas, algumas palavras do nosso primeiro contato ainda vagam em meus pensamentos. Sempre que preciso sorrir, coloco-as em primeiro plano. E não são só as palavras – as suas palavras – que me fazem bem; melhor do que ouvir qualquer uma delas é ouvir a sua voz, e embora a sua reprodução seja falha, ela tem um efeito quase indescritível sobre mim. Sua voz acalma. Aquece. E mais do que tudo, protege. Nunca me sinto completamente segura sem a sua voz por perto, dizendo palavras doces para me tranquilizar. E sejam as palavras doces ou não, só em imaginar a sua voz me sinto livre de qualquer problema. E se seus braços me envolvem, me perco facilmente até de mim. Ter você ao meu lado, me permitindo desfrutar do seu abraço acolhedor sem nenhuma restrição… é incrível. Generoso, até; não mereço o paraíso.
Não encontro motivos para não preferir a parte menos dolorosa disso tudo, embora ter você somente em meus pensamentos já seja bem ruim. A vantagem disso é que eu posso imaginar você quantas vezes eu quiser, me apertando em seu abraço aconchegante e me dizendo palavras amáveis. E mesmo que eu não saiba o que dizer e acabe dizendo a coisa errada na realidade, você estará lá, em meus sonhos, sempre disposto para mim, me esperando com um largo sorriso iluminando seu rosto. Por isso, prefiro fixar meus pés na minha própria realidade. Lá, não tenho medo de errar, porque estou segura de que seu perdão irá me consolar. Posso ter a sua voz e seus braços na hora em que eu quiser. E principalmente, tenho a certeza de que lá, você pode entender que o amor que sinto por você vai muito além de quatro letras.

_apple__emote_by_aha_mccoy

The sea can’t live without the bird.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s